13/08/2021 às 14h26min - Atualizada em 13/08/2021 às 14h26min

Secretaria de Estado de Saúde anuncia início da vacinação de adolescentes entre 17 e 12 anos

O secretário de Estado de Saúde, Geraldo Resende, explica que serão utilizadas 50% das doses recebidas da vacina da Pfizer para os municípios iniciarem a vacinação de adolescentes sem comorbidades.

 

O Secretário de Estado de Saúde, Geraldo Resende, anunciou nesta sexta-feira (13.8) o início da vacinação contra COVID-19 de adolescentes entre 17 e 12 anos de idade, sem comorbidades, utilizando as doses da vacina da Pfizer. Os municípios devem iniciar exclusivamente pelos que tenham entre 17 anos à 17 anos, 11 meses e 29 dias de idade.

O secretário de Estado de Saúde, Geraldo Resende, destaca que devido ao avanço da vacinação contra COVID-19 no Estado, possibilita o início da vacinação de adolescentes. “Seremos o primeiro Estado do País a iniciar a vacinação de adolescentes e isso é bom. Já tem Capitais que iniciaram a vacinação, mas seremos o primeiro Estado a fazer isso em todos os municípios”, afirmou.

De acordo a resolução 180/CIB/SES, os municípios estão autorizados a iniciar a vacinação de adolescentes a partir das doses da vacina da Pfizer que chegam na noite desta sexta-feira e serão distribuídas aos municípios a partir deste sábado (14.8). Os municípios devem aplicar a primeira dose (D1), em de adolescentes de 12 à 17 anos de idade, devendo nesta remessa iniciar exclusivamente pelos que tenham entre 17 anos à 17 anos, 11 meses e 29 dias de idade, com ou sem comorbidades.

O secretário de Estado de Saúde, Geraldo Resende, explica que serão utilizadas 50% das doses recebidas da vacina da Pfizer para os municípios iniciarem a vacinação de adolescentes sem comorbidades. “Como é uma quantidade pequena os municípios devem começar vacinando os adolescentes com 17 anos incompletos e ao longo que mais doses forem chegando, poderemos ir decrescendo na idade até os 12 anos”, completou.

Mato Grosso do Sul já vacinou 7.273 adolescentes com comorbidades graves contra Covid-19. Em 18 de junho, a Secretaria de Estado de Saúde iniciou a vacinação de adolescentes com comorbidades graves utilizando a vacina da Pfizer em Mato Grosso do Sul, após a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizar a indicação da vacina Comirnaty, da Pfizer, para crianças com 12 anos de idade ou mais, incluindo na bula da vacina a nova faixa etária.

A ampliação foi aprovada após a apresentação de estudos desenvolvidos pelo laboratório que indicaram a segurança e eficácia da vacina para este grupo. Os estudos foram desenvolvidos fora do Brasil e avaliados pela Anvisa.
Mato Grosso do Sul é o Estado que mais vacinou a população no País. Aqui, 86.75% da população adulta vacinável maior de 18 anos receberam a 1ª dose do imunizante e 49.85% foram imunizados com a segunda dose. Mato Grosso do Sul aplicou até o momento 2.611.174 doses, sendo 1.573.427 com a primeira dose, 805.244 com a segunda dose e 232.503 com dose única.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Como você avalia nosso conteúdo?

56.2%
25.0%
10.7%
8.0%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp