15/11/2021 às 10h47min - Atualizada em 15/11/2021 às 10h47min

FANTÁSTICO: Prefeitura de Ribas foi vítima de golpe de quadrilha "NACIONAL"

Os criminosos falsificavam decisões judiciais, em um esquema que desviou mais de R$ 3 milhões dos cofres públicos.

Radio 90 FM
Prefeito de Ribas do Rio Pardo durante entrevista no Fantástico  (Foto: Reprodução Rede Globo)

O Fantástico, programa de domingo da Rede Globo de Televisão, mostrou hoje (14/11), reportagem especial sobre prefeituras do Brasil, pelo menos 50, que foram alvo de uma quadrilha que aplicou um golpe milionário.


A prefeitura de Ribas do Rio Pardo, no Mato Grosso do Sul, foi um dos alvos.


Os golpistas enviavam as cobranças por boletos bancários — sem qualquer identificação de que o pagamento seria para a Justiça. Foi assim que a prefeitura de Ribas do Rio Pardo, no Mato Grosso do Sul, fez pagamentos. O dinheiro caiu direto na conta dos bandidos.


Em entrevista ao Fantástico, o prefeito João Alfredo Danieze, de Ribas do Rio Pardo, disse que o valor pago indevidamente, seria possível comprar cerca de três a quatro mil testes rápidos de Covid.

“Nós temos hoje várias formas de constatar se o documento eletrônico que você está recebendo é fraudado ou não: QR code, endereço de página para confirmação. Todo documento eletrônico hoje que é um documento oficial tem que ter essa forma de constatar, de rever, de verificar se esse documento é verdadeiro”, afirma o juiz do Tribunal de Justiça do Distrito Federal.


As prefeituras também têm mecanismos para identificar falsas cobranças.


“Não pague nada antes de esgotar todas as buscas, seja através da própria contabilidade da prefeitura, seja através da checagem efetiva se esse processo existe ou não”, explica o prefeito de Ribas do Rio Pardo.

A polícia estima que em três anos o prejuízo aos cofres públicos passou de R$ 3 milhões. Segundo as investigações, a quadrilha é chefiada por Willian Euclides Gomes Pereira, de 39 anos, formado em Direito, e conta com a participação de mais cinco pessoas.

Assista:


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Como você avalia nosso conteúdo?

56.2%
25.0%
10.7%
8.0%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp